Total de visualizações de página

Oportunidade mperdível!

Cursos Online com Certificado - Cursos 24 Horas

21 agosto 2010

Extrativismo

 

 

 

 

Filho meu, se os pecadores, com blandícias, te quiserem tentar, não consintas. Pv.1.10

Ciências

Copiar no caderno de caligrafia

Os tipos de extrativismo

O extrativismo
São as atividades de coleta de produtos naturais, sejam estes produtos de origem vegetal, animal, ou mineral.
Esses produtos podem ser cultivados para fim comerciais, industriais e para subsistência, e ela é a atividade mais antiga desenvolvida pelo ser humano.

Extrativismo vegetal
É um processo de exploração dos recursos vegetais nativos (ou seja, naturais de um lugar), onde a pessoa apenas coleta ou apanha os produtos que vai encontrando em uma região. Não é um processo que produz muito, porque a pessoa tem que vagar pela mata ou campo à procura do seu objetivo: madeira, borrachas, ceras, fibras, frutos, nozes, produtos medicinais etc.
A exploração da madeira é a principal atividade extrativa vegetal no Brasil. A madeira é retirada principalmente na Amazônia, provocando o desmatamento da floresta.
Além da madeira, são extraídos produtos como a castanha-do-pará, o palmito, o látex de seringueira, o babaçu, e muitos outros produtos em todo o Brasil.
Alguns desses produtos são extraídos de forma muito tradicional, não ocasionando um impacto tão grande na natureza como no caso da castanha-do-pará. 


Extrativismo animal
No passado, para conseguir parte de seus alimentos, os seres humanos praticavam a pesca e a caça de animais. Atualmente existem técnicas mais desenvolvidas para a pesca comercial, apesar da pesca artesanal e a esportiva serem praticadas de modo tradicional.
A caça é uma atividade que deve ser controlada para que alguns animais não entrem em processo d extinção.

Extrativismo mineral
O extrativismo mineral trata da exploração dos recursos minerais da terra para posterior transformação nas indústrias, ou para consumo imediato, caso da água mineral. O Extrativismo Mineral é responsável pela grande transformação no ambiente onde ele é praticado, pois normalmente é encontrado no subsolo. O extrativismo mineral é um grupo que contém esses seguintes itens: Água, rochas, fogo, ar, sal, entre outros...
Existem dois tipos de extrativismo mineral: aquele que emprega tecnologia reduzida, como o garimpo de ouro em rios, e o que utiliza equipamentos sofisticados e técnicas avançadas, como a exploração e extração de petróleo. 


O fim da Ditadura Militar

>Filho meu, se os pecadores, com blandícias, te quiserem tentar, não consintas. Pv.1.10

História

Copie em seu caderno  

O Fim da Ditadura Militar

 
        Durante o governo Figueiredo, o Brasil mergulhou numa das mais graves crises econômicas e sua história. A inflação era muito alta, a dívida externa assombrosa e as dívidas públicas do governo muito maiores que sua arrecadação.
        A sociedade canalizou seu enorme descontento para com o governo militar organizando uma gigantesca companha em favor das eleições diretas para presidente da República.
        A Campanha pelas Diretas foi um dos maiores movimentos políticos-populares da nossa história. Nas ruas, nas praças, multidões entusiasmadas, reunidas em grandes comícios, gritavam o lema Diretas-já! e cantavam o Hino Nacional.

        Entretanto, uma série de manobras de políticos impopulares, ligados à ditadura militar, impediu a realização das eleições diretas para presidente. O principal grupo que sabotou a emenda das diretas foi liderado pelo deputado paulista Paulo Maluf. 
        Contrariada a vontade do povo brasileiro, teve progressivamente o processo das eleições indiretas, criado pelo regime militar. Nesta fase, concorreram à presidência dois candidatos: Paulo Maluf e Tancredo Neves.
        Paulo Maluf era o candidato oficial do PDS, o partido do governo. Entretanto, não contavam com o apoio afetivo das forças tradicionais que estavam no poder.

        Tancredo Neves, governador de Minas Gerais, era o candidato de uma confusa aliança política (a Aliança Democrática) composta por ex-integrantes do PDS e membros do PMDB.
        Em comício popular, Tancredo Neves apresentava-se como a alternativa concreta para que a sociedade brasileira alcançasse o fim do regime militar. Tancredo dizia que iria ao Colégio Eleitoral para acabar com ele e que sua eleição seria a última eleição indireta para presidente da República.
        Em 15 de janeiro de 1985, o Colégio Eleitoral reuniu-se em Brasília para escolher entre Tancredo e Maluf. O resultado da votação foi amplamente favorável a Tancredo Neves, que recebeu 480 votos contra 180 dados a Maluf e 26 abstenções.
        Tancredo Neves não conseguiu tomar posse da presidência da República. Doze horas antes da solenidade de posse, foi internado e operado no Hospital de Base de Brasília com fortes dores abdominais. Depois foi transferido para o INCOR – Instituto do Coração, em São Paulo. A enfermidade evoluía de forma fatal. Tancredo morreu em 21 de abril de 1985. O país foi tomado de grande comoção, em face da morte de Tancredo e das esperanças de mudança nele depositadas.
        O Vice-Presidente em exercício, José Sarney, assumiu de forma plena o comando da nação.

 

 

 

 

 

 

Filho meu, não te ponhas a caminho com eles, desvia o teu pé das suas veredas Pv.1 15

História

Copie em seu caderno

 

Fernando Collor de Mello

Fernando Affonso Collor de Mello (Rio de Janeiro, 12 de agosto de 1949) é um empresário e político brasileiro, atualmente filiado ao Partido Trabalhista Brasileiro.

Foi o trigésimo segundo presidente da República Federativa do Brasil, cargo que exerceu de 15 de março de 1990 a 29 de dezembro de 1992. [1] Foi também o primeiro presidente eleito por voto direto após o Regime Militar, em 1989.

O governo foi marcado pela implementação do Plano Collor, pela abertura do mercado nacional às importações e pelo início do Programa Nacional de Desestatização.

Renunciou ao cargo na tentativa de evitar um processo de impeachment fundamentado em acusações de corrupção. Embora tenha renunciado, o processo de impeachment prosseguiu e Fernando Collor teve seus direitos cassados por oito anos por determinação do Senado Federal, e só foi eleito novamente para cargo público em 2006, tomando posse como senador por Alagoas em 2007.

 

 

Atividades

Valor-20 pontos

Estamos em um ano político onde serão escolhidos nossos futuros, presidentes, senadores, deputados federais e deputados estaduais.

Com a ajuda de seus pais faça uma pesquisa sobre o Impeachement .Depois peça a eles que dê a sua opinião, se o impeachement foi ou não importante para o Brasil, explicando o porque.

 

(Fazer a pesquisa em papel almaço, com capa e ilustração)

 

 

MATEMÀTICA_ como encontrar o m.d.c

 

 

 

 

 

O temor do Senhor é o princípio da ciência: os loucos desprezam a sabedoria e a instruçãoPv.1.7

MATEMÁTICA

Máximo Divisor Comum

  Dois números naturais sempre têm divisores comuns. Por exemplo: os divisores comuns de 12 e 18 são 1,2,3 e 6. Dentre eles, 6 é o maior. Então chamamos o 6 de máximo divisor comum de 12 e 18 e indicamos m.d.c.(12,18) = 6.

O maior divisor comum de dois ou mais números é chamado de máximo divisor comum desses números. Usamos a abreviação m.d.c.

        Alguns exemplos:
         mdc (6,12) = 6
         mdc (12,20) = 4
         mdc (20,24) = 4
         mdc (12,20,24) = 4
         mdc (6,12,15) = 3

Acompanhe o cálculo do m.d.c. entre 36 e 90:
36 = 2 x 2 x 3 x 3
90 =       2 x 3 x 3 x 5

O m.d.c. é o produto dos fatores primos comuns =>   m.d.c.(36,90) = 2 x 3 x 3
Portanto m.d.c.(36,90) = 18.

Escrevendo a fatoração do número na forma de potência temos:
36 = 22 x 32
90 = 2  x 32 x5
Portanto m.d.c.(36,90) = 2 x 32 = 18.

O m.d.c. de dois ou mais números, quando fatorados, é o produto dos fatores comuns a eles, cada um elevado ao menor expoente.

   

            Nesse processo efetuamos várias divisões até chegar a uma divisão exata. O divisor desta divisão é o m.d.c. Acompanhe o cálculo do m.d.c.(48,30).

    Regra prática:

    1º) dividimos o número maior pelo número menor;
            48 / 30 = 1 (com resto 18)

    2º) dividimos o divisor 30, que é divisor da divisão anterior, por 18, que é o resto da divisão anterior, e assim sucessivamente;
            30 / 18 = 1 (com resto 12)

            18 / 12 = 1 (com resto 6)

            12 / 6 = 2 (com resto zero - divisão exata)

    3º) O divisor da divisão exata é 6. Então m.d.c.(48,30) = 6.

Dois ou mais números são primos entre si quando o máximo
divisor comum desses números é 1.

        Exemplos:
         Os números 35 e 24 são números primos entre si, pois mdc (35,24) = 1.
         Os números 35 e 21 não são números primos entre si, pois mdc (35,21) = 7.
  

         Dentre os números 6, 18 e 30, o número 6 é divisor dos outros dois. Neste caso, 6 é o m.d.c.(6,18,30). Observe:

  6 = 2 x 3
18 = 2 x 32
30 = 2 x 3 x 5
Portanto m.d.c.(6,18,30) = 6

Dados dois ou mais números, se um deles é divisor de todos os outros, então
ele é o m.d.c. dos números dados.

 

Atividades

Passe para o caderno:

ATIVIDADES 

1)
Calcule o m.d.c destes números naturais e clique na resposta correta: 

a) 20 e 30
* 15
* 16
* 10
 


b) 90 e 60
* 25
* 30
* 20
 


c) 100 e 50
* 25
* 50
* 75 




d)
80 e 60
* 20
* 40
* 10
 


e) 40 e 70
* 35
* 10
* 25 




f)
10 e 20
* 15
* 5   
* 10